Arquivo da tag: WSL

Olha o nível q o surf competição chegou.

Gabriel Medina, freak back flip na merreca.

Anúncios

Na minha opinião, vale mais que um titulo mundial!!!!!

Acho que a comparação é um elogio ao Wilko!!!!

Quem assistiu o Dada Figueiredo quebrar entende o surf base aberta do Wilkson!!!!!

TEMPESTADE NELES!!!!!!!

Top 22 do Championship Tour

1 Adriano de Souza (Bra) 26.250
2 Filipe Toledo (Bra) 25.700
3 Mick Fanning (Aus) 20.950
4 Josh Kerr (Aus) 17.450
5 Nat Young (EUA) 16.500
6 Owen Wright (Aus) 16.150
7 John John Florence (Haw) 15.500
8 Julian Wilson (Aus) 15.450
9 Taj Burrow (Aus) 15.200
10 Bede Durbidge (Aus) 14.200
11 Italo Ferreira 12.750
11 Matt Wilkinson (Aus) 12.750
13 Kelly Slater (EUA) 12.700
14 Jordy Smith (Afr) 11.450
14 Jadson André (Bra) 11.450
16 Jeremy Flores (Fra) 10.250
17 Miguel Pupo (Bra) 9.250
17 Sebastian Zietz (Haw) 9.250
19 Gabriel Medina (Bra) 9.200
20 Joel Parkinson (Aus) 8.000
20 Matt Banting (Aus) 8.000
22 Wiggolly Dantas (Bra) 7.950
22 Ricardo Christie (Nzl) 7.950

A Globo melando o surf?

Parece que a globo comprou os direitos de transmissão do mundial de surf para não passar, melando ESPN. Será mesmo???? veremos……. Que usem ao menos o OFF.

ASP vai virar WSL

À comunidade da ASP,
No início da temporada de 2015, vamos mudar nosso nome para World Surf League (WSL). Estamos fazendo essa mudança porque acreditamos que o novo nome é mais fácil de entender e isso será melhor para nossos fãs, atletas e parceiros, buscando o crescimento do surfe profissional em todo o mundo.

Estamos promovendo uma série de mudanças nos dois últimos anos. Uma parte vocês já podem ver nas novas locações das etapas e as transmissões ao vivo aprimoradas. Outra parte acontece nos bastidores. Tudo isso tem um duplo objetivo, o de preservar o patrimônio e a cultura do surf, enquanto, ao mesmo tempo, criar uma base mais sólida para o crescimento do nosso esporte no futuro.

Nós queremos que vocês saibam que mudar o nosso nome foi uma decisão cuidadosamente analisada por todos nós. Sentimos que era importante compartilhar esta ideia com o máximo de pessoas da comunidade da ASP, com os atletas desde os campeões mundiais do passado e até com patrocinadores dos eventos. No final, ficamos muito satisfeitos pelo fato de que nenhuma única pessoa se opôs ao nome World Surf League. Nenhuma.

Esta foi uma decisão que tomamos em conjunto com a nossa comunidade!

Entendemos que para muitos de vocês que estão lendo isso, a sigla “ASP” tem um significado importante e que esta notícia pode ser perturbadora. Nós esperamos que vocês nos deem o benefício da dúvida e que, com o tempo, vocês verão essa mudança como positiva para o esporte que nós todos amamos. No fim de tudo, o DNA do surf profissional permanecerá intacto, com os melhores surfistas do mundo nas melhores ondas do mundo. Isso nunca vai mudar.

Desde o primeiro dia, o nosso compromisso para com vocês foi de que nós faremos tudo ao nosso alcance para usar nossa experiência global buscando o melhor para os fãs, atletas e patrocinadores. É claro que ainda temos muito trabalho a fazer, mas estamos confiantes de que estamos caminhando na direção certa.

Queremos saudar a todos que trabalharam para chegar onde nós estamos hoje, aos criadores da ASP e da entidade antecessora, International Professional Surfers (IPS). Foi o trabalho duro de todas essas pessoas que construíram a plataforma que todos nós compartilhamos hoje. É com eles e com vocês, que já estamos ansiosos para inaugurar a nova era do World Surf League.
Atenciosamente,
Paul Speaker
CEO – Chief Executive Officer

fonte: ASP e Jornal High Tide